Bailarinos de Londrina integram renomados grupos de dança no Brasil

A Escola Municipal de Dança reafirma-se como celeiro de talentos na arte do movimento. Os londrinenses que embarcaram este ano para o Festival de Dança de Joinville (SC) trouxeram na mala importantes conquistas: a participação no Ballet Bolshoi no Brasile na Companhia de Dança Sesiminas, de Belo Horizonte (MG).







Os gêmeos Higor Vargas e Hugo Vargas, alunos do 7º ano da Funcart e integrantes do Ballezinho de Londrina, participaram da acirrada audição da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil e foram selecionados como bolsistas desta que é a mais tradicional instituição de ensino de dança no mundo. Já Priscila Santana, também aluna do 7º ano da Escola Municipal de Dança de Londrina foi classificada para integrar a Cia de Dança Sesiminas.







Os irmãos concorreram com 442 jovens do Brasil e do exterior. Destes, apenas 13 ganharam vaga. A seletiva aconteceu no dia 24 de julho, dentro da programação do Festival de Dança de Joinville. 


Higor e Hugo têm até o final do ano para se acostumarem com a ideia da nova vida em Joinville, já que as aulas começam em fevereiro de 2014. Com duração de oito anos, o curso no Bolshoi oferece ampla formação humanística ao bailarino - além das aulas de balé, a grade inclui disciplinas como história da arte, teatro e música. 






Todos os ingressantes são bolsistas integrais, recebem da instituição acompanhamento médico, uniformes e alimentação durante o período das atividades. Exige-se dos alunos dedicação e rígida disciplina. Parte dos professores que lecionam na sede brasileira vieram do Bolshoi de Moscou.

Os jovens londrinenses devem ingressar no 6º ano de formação. Hoje com 17 anos, os irmãos dançam desde os 12 na Escola Municipal. Por aqui, já dedicam a maior parte do tempo à arte. Higor explica que eles acordam às 6h, frequentam a escola regular no período da manhã, pegam ônibus do bairro Interlagos até a Funcart pouco depois do almoço e fazem aulas e ensaios das 14h às 20h todos os dias. "É bastante tempo de dedicação, mas eu adoro dançar, nunca pensamos em ser outra coisa", disse Hugo.


talento parece ser de família. O que levou os gêmeos a procurarem a dança foi o exemplo do irmão mais velho - o bailarino Anderson Braz, que já integrou o Ballezinho e o Ballet de Londrina e há quase uma década destaca-se no exterior. Atualmente, Anderson é bailarino da Maria Kong Dancers Company, de Israel. "Nosso irmão é um espelho e, por ele, minha mãe sempre nos influenciou bastante. Queremos viver da dança como ele", planeja Hugo.

Para arcar com as despesas dos irmãos ao longo do curso em Joinville, principalmente hospedagem, alimentação fora dos horários de aula e transporte, a Funcart iniciou uma campanha em busca de patrocinadores e doadores voluntários. Interessados podem entrar em contato coma instituição pelo telefone (43) 3342-2362.







A participação no Festival de Joinville 2013 também mudou a vida de Priscila Santana, aluna do 7º ano da Escola Municipal de Dança de Londrina. A bailarina matriculou-se no curso de balé clássico intermediário da professora Cristina Helena no evento catarinense. Ao perceber o ótimo desempenho de Priscila entre os 40 alunos da oficina, a ministrante convidou-a para fazer parte do elenco da Cia. de Dança Sesiminas (de BeloHorizonte), da qual é coreógrafa.

Matéria de O Diário.Com








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"Lista de Bailarinos Famosos "

Bailarino Frederico Loureiro vence bronze em Helsínquia

Diana Faria, Filipa Tenreiro e João Pedro Freitas