Roman Vassiliev: em Portugal


(imagem e notícia da revista de dança de Portugal)


De nacionalidade russa, Roman Vassiliev nasceu em 1979, em Syktyvkar, onde estudou dança numa escola privada entre os 8 e os 10 anos. Prosseguiu e os seus estudos na Escola Coreográfica de Perm, durante cinco anos, e, posteriormente, na Escola do Ballet de Hamburgo, na Alemanha.

Participou em várias competições internacionais tendo recebido o 3º Prémio no XXIV Prémio de Lausanne (Suíça) e uma bolsa de estudo para a Escola do Ballet de Hamburgo, foi finalista do Concurso Internacional de Perm (Rússia) e recebeu um 3º Prémio no Concurso Internacional de Varna (Bulgária).
Iniciou-se como profissional no Teatro de Ballet e Ópera de Syktykvar, (1996-1997), onde dançou os bailados “D. Quixote” (Basílio), “O Quebra-Nozes” (O Príncipe), “Paquita”, “O Corsário” e “La Bayadère”. Depois foi solista do Ballet de Leipzig (1998-2000), tendo interpretado obras de Uwe Scholz (“América”, “Suite”, “Die Shopfung”, “Brandenburg” e “Sinfonia Clássica”) e de Jiri Kylián (“Sinfonieta” e “Sinfonia em Ré”).

Fez ainda parte do Ballet de Hannover (2000/2001) e do Ballet Real da Flandres (2001-2002), tendo dançado respectivamente “Giselle” (Albrecht), “O Quebra-Nozes” (O Príncipe), “D. Quixote” (Basílio e Espada), “In he Middle Somewhat Elevated” (William Forsythe), “Troy Game” (Robert North) e “Serenade” (George Balanchine) com a primeira companhia e “Twice 4” e “O Lago dos Cisnes” com a segunda.



A partir de 2003 passou a integrar o elenco da Companhia Nacional de Bailado, como bailarino principal, destacando-se em “A Dama das Camélias”, “O Quebra-Nozes”, “Sonho de Uma Noite de Verão” e “O Lago dos Cisnes”, e tendo participado em várias Galas Internacionais organizadas no Dia Mundial da Dança.
Em 1997 Roman Vassiliev dançou numa gala, na Finlândia, ao lado de conhecidos artistas como Maya Plisetskaya, Nadezhda Pavlova e Patrick Dupond. Em 2006 dançou como artista convidado no National Ballet of Denver (USA) e, recentemente, interpretou o papel de Príncipe em “O Quebra-Nozes”, à frente do grupo de bailado do Centro de Dança do Porto, onde mantém actividade pedagógica.
Depois de ter passado por tantas companhias, em tão pouco tempo, o bailarino decidiu vir para Lisboa porque estava descontente com a direcção de Robert Denvers no Ballet da Flandres.
“Para além da falta de dinheiro, a política artística da companhia não era a melhor”, afirma o artista. “Antes de audicionar para aquela companhia belga eu saíra da Ópera de Hannover, juntamente com o director Mehmet Balkan, quando a companhia fechou. Nessa altura nem sabia que Portugal tinha uma companhia de dança clássica. Nunca vi qualquer indicação sobre a CNB em revistas ou um qualquer espectáculo em tournée. Quando soube que Balkan estava em Portugal contactei com ele e fui contratado”.


Embora não fale a nossa língua, Roman Vassiliev, decidiu ficar em Portugal porque é “um país muito bonito e tem boas condições climatéricas para os bailarinos”. Durante o tempo que trabalhou na CNB esteve atento ao que se passava dentro da companhia (com os jovens bailarinos que vinham da Escola de Dança do Conservatório) e no país, em termos do ensino da dança. Hoje acha que as coisas podem melhorar.
"Não pretende continuar a dançar e a leccionar porque não se podem fazer as duas coisas bem feitas ao mesmo tempo. Honestamente, eu sei que posso dar a minha contribuição e fazer subir o nível pedagógico da dança. Em Portugal tudo começa pelo telhado. Em Setembro próximo vou abrir uma escola para proporcionar um ensino diferente. Não uso o método Vaganova nem Balanchine, nem o inglês (do Royal Ballet ou da Royal Academy), mas sim um trabalho ancorado no ensino do passado concentrando-me nas bases e princípios da dança clássica".

A nova escola oferecerá aulas de dança clássica (Roman Vassiliev) e contemporânea (Carlos Gonzalez e Olga Roriz), aulas de música e canto (Vera Belozorovitch e Alexey Shakitko) e ginástica para bailarinos, para além de aulas de ‘aperfeiçoamento’ para profissionais e uma oficina coreográfica regular. Entretanto Vassiliev já começou a leccionar em Lisboa na Escola Dance Etc... em Campo de Ourique.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"Lista de Bailarinos Famosos "

Bailarino Frederico Loureiro vence bronze em Helsínquia

Diana Faria, Filipa Tenreiro e João Pedro Freitas