Percurso histórico do Poeta Maior é relembrado pelo Ballet Nacional

“Havemos de voltar” é o título de espectáculo de dança tradicional a ser apresentado pelo Ballet Nacional de Angola, amanhã, às 12 horas, no Centro Cultural Agostinho Neto, em Catete. De acordo com o director e coreógrafo da companhia, Domingos Nguizani, o espectáculo enquadra-se no programa de actividades para saudar o 17 de Setembro, dia do Herói Nacional. O espectáculo, cuja coreografia é assente num drama, tem como destaque a obra “17 de Setembro” e é também baseado na canção “Neto Wele”, feita pelo músico Tabonta, aquando da morte de Agostinho Neto, no dia 10 de Setembro de 1979, na Rússia. O drama, explicou o coreógrafo, reflecte a dor demonstrada pelos angolanos quando receberam a notícia da morte do “Guia Imortal” da revolução nacional. Criado em 1986, o Ballet Nacional de Angola tem procurado, dentro dos objectivos, pesquisar e divulgar, a nível nacional e internacional, obras com temáticas capazes de reflectir a cultura tradicional e moderna angolana. O projecto Ballet Nacional, destacou Domingos Nguizani, é, à semelhança dos de países africanos como o Congo Democrático, Costa do Marfim, Senegal, Guiné-Bissau, Mali e Gabão, sinónimo de unidade e defensor da identidade cultural, dentro do universo etno - dançario da Nação angolana.
(Fonte- Jornal de Angola)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"Lista de Bailarinos Famosos "

Bailarino Frederico Loureiro vence bronze em Helsínquia

Diana Faria, Filipa Tenreiro e João Pedro Freitas